Operação Servir e Proteger Apreende Jaboti

A Policia Ambiental Apreendeu um Jaboti após denuncia de maus tratos e animal nativo no Jardim das Flores em Araras.

De Acordo com a Policia Ambiental, Não tinha sinal de Maus Tratos porém mantido em cativeiro sem licença do órgão ambiental competente.

 

 

 

Violação do Art. 25, §3°, Inc. III da Resolução SMA 48/14, bem como o infrator responderá na esfera penal nos termos do Art. 29 da Lei Federal 9605/98.

O Jaboti  foi encaminhado  para o Centro de Reabilitação de Animais Silvestres Pró-Arara.

Dados 

1° BPAmb – 7a Cia – 1° Pel

NATUREZA: “Animal silvestre mantido em cativeiro”
MUNICÍPIO: Araras
DATA: 14/05/2019
ENDEREÇO: Rua: Maria Bellini Fachini, Jardim das Flores
VTR/EQUIPE: A-01715
– Cb PM Cunha
– Sd PM Colombo
N° BOA: 8715/19
HISTÓRICO: Em decorrência da “Operação Servir e Proteger”, atendendo denúncia versando maus tratos a animal nativo, foi logrado êxito pela citada equipe em se constatar no local apontado a existência de 01 (um) animal da fauna nativa (jaboti) não estando em situação de maus tratos, porém mantido em cativeiro sem licença do órgão ambiental competente.
Diante dos fatos foi elaborado Auto de Infração Ambiental na modalidade advertência, por violação do Art. 25, §3°, Inc. III da Resolução SMA 48/14, bem como o infrator responderá na esfera penal nos termos do Art. 29 da Lei Federal 9605/98, cabendo salientar que o animal foi destinado ao Centro de Reabilitação de Animais Silvestres Pró-Arara, no município de Araras, conforme laudo de depósito expedido por aquele órgão e registro da ação pela equipe.

Operação Servir e Proteger Apreende Jaboti

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Rolar para o topo